«« Voltar
ESTADO DA ARTE: PRODUÇÃO SOBRE MORBIMORTALIDADE DA POPULAÇÃO INDÍGENA DO BRASIL E DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL
Protocolo do SIGProj:   231074.1136.3071.01042016
De:01/04/2016  à  07/07/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Erika Kaneta Ferri
Instituição
  UEMS - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  Campo Grande - Unidade Universitária de Campo Grande
Unidade de Origem
  Medicina - Coordenação do Curso de Medicina
Resumo da Ação de Extensão
  O presente projeto teve como objetivo de realizar revisão integrativa de estudos publicados sobre o perfil de morbimortalidade entre indígenas no Brasil e do estado de Mato Grosso do Sul, entre os anos de 2011 à 2017. Bem como identificar as pesquisas sobre morbimortalidade entre indígenas, em periódicos nacionais e internacionais; analisar o conteúdo das pesquisas sobre a morbimortalidade entre indígenas; discutir as especificidades do Brasil e o estado de Mato Grosso do Sul a partir do perfil de morbimortalidade entre indígenas apontados pelos estudos. Foi realizado revisão integrativa, apoiados pela abordagem de Ganong. As publicações sobre o tema, serão acessadas em bancos de dados nacionais e internacionais, indexadas nas fontes MEDLINE, SCIELO, LILACS, através das palavras-chave: Morbidade, mortalidade, população indígena, Brasil, Mato Grosso do Sul. O período da investigação compreendeu os anos de 2011 a 2017. Os resultados apontaram que ( em fase de analise ) O referido estudo tem como contribuição oferecer aos estudiosos e aos responsáveis pela política de Atenção da saúde indígena, pois estudos sobre morbimortalidade hospitalar em povos indígenas no Brasil são relativamente recentes, muitas vezes restritos quanto à cobertura e carecem de fontes de dados capazes de gerar indicadores por etnia.
Palavras-chave
   Morbidade, mortalidade, população indígena, Brasil, Mato Grosso do Sul
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO PARCIAL
Contato
  
«« Voltar