«« Voltar
Cápsulas de Hidroxicloroquina na Farmácia Universitária: Como garantir a manutenção do tratamento?
Protocolo do SIGProj:   229186.1276.62629.29062016
De:16/11/2016  à  16/11/2017
 
Coordenador-Extensionista
  Elisabete Pereira dos Santos
Instituição
  UFRJ - Universidade Federal do Rio de Janeiro
Unidade Geral
  CCS - Centro de Ciências da Saúde
Unidade de Origem
  FF - Faculdade de Farmácia
Resumo da Ação de Extensão
  O acesso aos medicamentos essenciais à saúde é o primeiro passo para o estabelecimento de uma política de medicamentos, que está representada pela interação dialógica entre os atores sociais (pacientes, médicos e farmacêuticos juntamente com discentes). É inerente durante o contato com o médico que o paciente recebe (ou não) a prescrição de medicamento. Porém, o uso adequado dos mesmos não depende apenas de uma prescrição de qualidade, mas é também fruto de dispensação responsável. A interação entre paciente/médico/farmacêutico possibilita a emergência de expectativas, demandas e troca de informações que terão consequência direta na efetividade terapêutica. O Sulfato de Hidroxicloroquina é um antimalárico, antirreumático e antiprotozoário, empregado no tratamento de doenças crônicas ou com condições dermatológicas provocadas ou agravadas pela luz solar. Para viabilizar o atendimento desse medicamento prescrito pelos médicos do Hospital Universitário Clementino Fraga Filho (HUCFF) e demais hospitais públicos, o Programa de Extensão Farmácia Universitária (FU) manipula o referido medicamento na forma de cápsulas. A FU utiliza um software “Fórmula Certa” que cadastra paciente (dados pessoais, patologias, hipersensibilidade a medicamentos ou alimentos e histórico do consumo de medicamentos); de médicos (dados pessoais e sua especialidade); controle de estoque dos insumos e de embalagens. O objetivo deste projeto é por meio dos atores sociais, obter um cadastro com os dados dos pacientes relacionados à sua prescrição e seus hábitos de vida, visando orientações e informações seguras quanto à administração e cuidados com o medicamento. Bem como, realizar um controle de estoque, promovendo assim, a manutenção do tratamento terapêutico.
Palavras-chave
   Interação dialógica, equipe de saúde, tratamento contínuo, sulfato de hidroxicloroquina.
Público-Alvo
  Pacientes usuários do medicamento Sulfato de Hidroxicloroquina – Cápsulas - manipuladas na Farmácia Universitária da Faculdade de Farmácia da UFRJ
Situação
  Atividade CONCLUÍDA
Contato
  
«« Voltar