«« Voltar
Sistemas agroflorestais biodiversos: produção de alimentos, geração de renda e recuperação ambiental - FASE I
Protocolo do SIGProj:   225633.1136.1925.07042016
De:10/12/2015  à  10/12/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Luciana Ferreira da Silva
Instituição
  UEMS - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  Unidade de Dourados - Unidade Universitária de Dourados (pólo)
Unidade de Origem
  Engenharia Ambiental - Coordenação do Curso de Engenharia Ambiental
Resumo da Ação de Extensão
  A região Oeste do Brasil, envolvendo Mato Grosso do Sul, Oeste de São Paulo e Noroeste do Paraná, possui grande passivo ambiental concernente a Áreas de Reserva Legal (ARLs) e Áreas de Preservação Permanente (APPs). Com a implementação do Novo Código Florestal Brasileiro, estabeleceu-se novas bases para a sua restauração; e, ao mesmo tempo, o Governo Federal promoveu grande desafio à Embrapa e às demais instituições de pesquisa, demandando soluções tecnológicas para dar suporte à recuperação dessas áreas degradadas. Nesse contexto, sistemas agroflorestais (SAFs) biodiversos possuem grande potencial para promoverem a adequação ambiental dessas áreas, além de produzirem alimentos e gerarem renda aos agricultores. Nesse sentido, através deste projeto, objetiva-se desenvolver tecnologias e aprimorar conhecimentos envolvendo SAFs biodiversos para produção de alimentos, geração de renda e produção de serviços ambientais que promovam a recuperação de áreas degradadas e, com isso, subsidiar o aprimoramento e/ou criação de políticas públicas que apoiem a implantação desses agroecossistemas, atendendo demandas concernentes a ARLs e APPs geradas pelo Novo Código Florestal Brasileiro.
Palavras-chave
   sistemas agroflorestais, avaliação de serviços ambientais, economia ecológica
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade
Contato
  
«« Voltar