«« Voltar
Paulo Freire e o Movimento Feminista: um debate contemporâneo
Protocolo do SIGProj:   222846.1152.92147.18012016
De:01/02/2016  à  30/11/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Edson Carpes Camargo
Instituição
  IFRS - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul
Unidade Geral
  Bento Gonçalves - Câmpus Bento Gonçalves - Pesquisa
Unidade de Origem
  P&I - Pesquisa e Inovação
Resumo da Ação de Extensão
  O conhecimento comunitário desenvolvido a partir de medidas colaborativas influencia ao aluno a participar, promover, construir e ser protagonista de sua própria história. Diante disso, o objetivo deste estudo é promover uma reflexão sobre as obras de Paulo Freire com um olhar do movimento feminista, construído a partir dos debates lançados sobre este autor a partir do período de 1990. Para tanto, será utilizado como processo metodológico a pesquisa bibliográfica tomando como base as obras de Paulo Freire e o aporte dos escritos de gênero, como Scott (2011) e Safiotti (1987, 1995), partindo posteriormente para a análise de conteúdo, promovida pela perspectiva de Bardin (2008). Freire foi criticado pelas mulheres que participaram dos movimentos feministas do período de 1990 por não considerar em seus escritos a divisão de classes e a diversidade que influenciava as relações sociais, diante disso, emerge a relevância deste estudo.
Palavras-chave
   Paulo Freire, feminismos, Relações de Gênero, Conteúdo
Público-Alvo
  
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar