«« Voltar
Louvando e Revitalizando a Ancestralidade. Africanos, Ciganos e Indígenas.I Encontro de Mulheres das Religiões Afrodescendentes . I Festival de Corimba
Protocolo do SIGProj:   218696.1432.1315.20042017
De:01/06/2017  à  15/12/2017
 
Coordenador-Extensionista
  Antonio Lino Rodrigues de Sa
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  FAED - Faculdade de Educação
Unidade de Origem
  CEX - Comissão Setorial de Extensão
Resumo da Ação de Extensão
   Como o Evento envolve três atividades distintas que se comunicam entre si pelo fator de abordar a vivência religiosa e as suas relações entre o sagrado e o profano, é importante destacar os seus principais aspectos a serem abordados. As atividades de Revitalização e de louvação se constitui em uma ação afirmativa voltada para a desmistificação das celebrações e as suas aproximações com a religiosidade vivida pelo povo. O papel da mulher no Terreiro e as suas funções religiosas provocam em ambiente familiar muitas vezes situações de violência fazendo com que nos Terreiros encontre acolhida, entretanto, diante dessa fragilidade muitas vezes sofrem violência nos Terreiros que as acolhe. A participação da mulher Curimba, no uso dos Instrumentos de percursão nas manifestações religiosas na Umbanda é uma prática. Estas muitas vezes são despercebidas em suas ações, entretanto, o evento tem como finalidade dar destaque para esse papel que é exercido no Terreiro de Umbanda.
Palavras-chave
   umbanda, caboclos, corimba, mulher
Público-Alvo
  Adeptos da Umbanda/Candomblé, simpatizantes, alunos, professores e técnicos da UFMS e comunidade em geral.
Situação
  Atividade CONCLUÍDA
Contato
  
«« Voltar