«« Voltar
Adequação ambiental de propriedades rurais na serra catarinense
Protocolo do SIGProj:   213770.1079.216284.19092015
De:01/03/2016  à  31/12/2016
 
Coordenador-Extensionista
  Maria Raquel Kanieski
Instituição
  UDESC - Universidade do Estado de Santa Catarina
Unidade Geral
  CAV - Centro de Ciências Agroveterinárias
Unidade de Origem
  DEF - Departamento de Engenharia Florestal
Resumo da Ação de Extensão
  Em função de questões legais e ambientais, a restauração de áreas degradadas tem se concentrado principalmente no ambiente ciliar. Apesar das matas ciliares estarem protegidas pela legislação há quase meio século, grande parte dessas florestas foram degradadas de forma semelhante ao que ocorreu com as outras formações naturais. Nas últimas décadas, o aumento da fiscalização e das punições levaram a um aumento na conservação e restauração das formações ciliares e de outras formas de vegetação nativa por meio das Áreas de Preservação Permanente e Reserva legal. A aplicação dessa proposta irá ajudar os agricultores e demais proprietários rurais da região da serra catarinense a fazer a adequação ambiental de seus imóveis por meio do apoio no Cadastro Ambiental Rural de suas propriedades. Será prestado apoio aos proprietários na regularização das Áreas de Preservação Permanente e Reserva Legal, verificando as melhores técnicas para destinação e recuperação destas áreas, além da recuperação de propriedades selecionadas.
Palavras-chave
   Áreas de Preservação Permanente, Reserva Legal, Cadastro Ambiental Rural, Recuperação de Áreas Degradadas
Público-Alvo
  O público a ser atingido são proprietários rurais, cuja propriedade necessite dos serviços de adequação ambiental ou recuperação de Área de Preservação Permanente e/ou Reserva Legal. Serão monitoradas as três propriedades rurais que já participam da ação, além disso, pretende-se recrutar mais algumas propriedades. Também será realizado o Cadastro Ambiental Rural de pequenas propriedades que se interessarem pela assessoria.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   Serão realizadas visitas à propriedades rurais e escolas da região, divulgando pessoalmente as ações do projeto.
«« Voltar