«« Voltar
Viver e Conviver numa Instituição de Longa Permanência: Contribuições da Terapia Ocupacional (Cópia) 11-12-2014
Protocolo do SIGProj:   194091.985.89782.22032015
De:04/08/2014  à  20/12/2015
 
Coordenador-Extensionista
  Valéria Moura Moreira Leite
Instituição
  UFPE - Universidade Federal de Pernambuco
Unidade Geral
  CCS - CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE
Unidade de Origem
  Terapia Ocupacional - Terapia Ocupacional (Depto)
Resumo da Ação de Extensão
  O trabalho é realizado no Lar Batista para Anciãos, no bairro da Várzea, com idosos. O foco é a capacidade funcional utilizando abordagens reabilitadoras do ponto de vista motor, sensorial, cognitivo e psicossocial e educativas para o cuidado e o auto-cuidado; orientar para a realização das atividades de vida diária e instrumentais de vida diária. Avaliar a necessidade de uso de tecnologia assistiva/equipamentos de auto-ajuda.O nosso grupo de trabalho está composto por uma acadêmica e uma docente de Terapia Ocupacional. A supervisão acontece semanalmente. Esse projeto também tem como intuito dar suporte a disciplina de Envelhecimento e Terapia Ocupacional 2 , do Departamento de Terapia Ocupacional. As intervenções são realizadas individualmente e em grupo o que permite compartilhar histórias de vida, preservar valores culturais, minimizar preconceitos em relação à velhice, estimular a convivência social, prevenir o isolamento, despertar o sentimento de bem estar, além de se constituir em uma importante estratégia de integração entre os participantes, facilitadores e responsáveis pela ILPI (SOUZA, 2003).
Palavras-chave
   Idosos, Terapia Ocupacional, promoção de saúde, reabilitação
Público-Alvo
  Idosos residentes no Lar Batista do ancião que queiram participar do projeto
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
  
«« Voltar