«« Voltar
Liga Acadêmica de Doenças Infecto Parasitárias em Enfermagem II
Protocolo do SIGProj:   191722.934.784.29112014
De:01/03/2015  à  31/12/2015
 
Coordenador-Extensionista
  Margarete Knoch Mendonca
Instituição
  UFMS - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
Unidade Geral
  CCBS - Centro de Ciências Biológicas e da Saúde
Unidade de Origem
  GAB/CCBS - Gabinete do Diretor
Resumo da Ação de Extensão
  O projeto Liga Acadêmica de Doenças Infecto-Parasitárias em Enfermagem II da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, tem como objetivo principal a realização de um trabalho interinstitucional de enfrentamento das doenças endêmicas e epidêmicas no estado de Mato Grosso do Sul. A proposta contempla o desenvolvimento de projetos de intervenção utilizando ações educativas, assistenciais, administrativas e de investigação científica no âmbito do Município de Campo Grande. Todos os projetos de intervenção serão embasados em análises da realidade e que demonstram a necessidade de medidas de controle das doenças, como educação em saúde, busca ativa, educação permanente com profissionais de saúde, entre outros. A Vigilância em Saúde é a área de conhecimento que subsidia o conjunto de ações que envolve o planejamento, diagnóstico, estabelecimento de ações e a avaliação no enfrentamento das doenças. Neste Projeto o foco são as doenças infecto parasitárias, especificamente aquelas que estão ou há possibilidade de epidemia e endemias (BRASIL, 2013). Em cada ação, a análise será na perspectiva interdisciplinar com a participação da equipe multiprofissional da saúde, em parceria com as áreas psicologia, nutrição, medicina, medicina veterinária, fisioterapia e farmácia. Portanto, o enfoque no trabalho em equipe se diferencia como uma estratégia para ampliação da análise e no enfrentamento dos problemas e constitui-se também como um elemento pedagógico fundamental na formação dos futuros profissionais.
Palavras-chave
   Doenças Infecciosas, Educação em Saúde, Enfermagem, Vigilância em Saúde pública, Prevenção & controle.
Público-Alvo
  O público alvo é a população usuária do Sistema Único de Saúde (SUS), mais especificadamente os usuários da Atenção Primária que são atendidos nas Unidades Básicas de Saúde. Tratam-se portanto de cerca de 60% da população de Campo Grande. Também serão realizadas atividades para profissionais de saúde, como os agentes comunitários de saúde, representantes de movimentos sociais, pacientes e usuários do Hospital Dia no NHU. Cada atividade da Liga será direcionada especificamente á uma parcela da população, exemplo vacina contra influenza para idosos e gestantes, prevenção de HIV para população jovem, prevenção da hepatite para adolescentes, de forma que ao final do Projeto, uma parcela significativa da população direta ou indiretamente será contemplada.
Situação
  Atividade CONCLUÍDA
Contato
   frandocamp11@gmail.com anandalm10@hotmail.com lgmde19@gmail.com iven_giovanna@hotmail.com diegomachadoenf15@gmail.com rdomingos.dom@gmail.com srmiziara@gmail.com
«« Voltar