«« Voltar
PROGRAMA DE SALVAMENTO ARQUEOLÓGICO NA PRAÇA TAMANDARÉ: cotidiano e excluídos na modernidade riograndina
Protocolo do SIGProj:   184419.864.39444.05082014
De:24/09/2014  à  31/10/2015
 
Coordenador-Extensionista
  Beatriz Valladão Thiesen
Instituição
  FURG - UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE
Unidade Geral
  UE - Unidades Educacionais
Unidade de Origem
  ICHI - Instituto de Ciências Humanas e da Informação
Resumo da Ação de Extensão
  O objetivo desta pesquisa é estabelecer os procedimentos arqueológicos necessários para garantir a integridade do patrimônio cultural na área da Praça Tamandaré, buscando as distintas formas tomadas pela praça, em seus aspectos físicos, sociais e simbólicos, verificando suas relações com diferentes grupos sociais que participaram da sua construção no bojo do processo de constituição da sociedade capitalista local, enfatizando os segmentos sociais mais desfavorecidos, durante o século XIX, e inícios do século XX. Ela focará especialmente na analise da vida cotidiana dos excluídos, através de diferentes formas de cultura material, incluindo a paisagem, como meios de expressão e comunicação.Afim de observar os contextos mais específicos e analisar a vida cotidiana dos agentes focados nesta pesquisa e as possíveis distinções de identidade, deverão ser realizadas escavações para que se possa obter um maior número de dados que poderão estar situados em sub-superfície. A atividade de pesquisa deverá complementar a formação acadêmica dos graduandos, através da implementação de um sitio escola, promover atividades de educação patrimonial e a divulgação dos conhecimentos gerados pela pesquisa, visando a gestão dos bens e objetivando colaborar na formulação e desenvolvimento de projetos de planejamento urbano.
Palavras-chave
   Arqueologia, Excluídos, Identidade, Paisagem, Modernidade
Público-Alvo
  O projeto deverá atingir um público diverso e amplo, envolvendo a comunidade acadêmica, que se beneficiará com a oportunidade de realizar uma pesquisa de campo e laboratório em Arqueologia, a comunidade em geral que terá seu patrimônio resguardado, divulgado, gerando inclusão cultural e constituindo-se em instrumento de construção de identidades.
Situação
  Atividade COM RELATORIO PARCIAL
Contato
   beatrizthiesen@yahoo.com.br
«« Voltar