«« Voltar
GRELO - Ciclo de Debates e Grupo de Estudos Feministas e Queer
Protocolo do SIGProj:   147877.1400.97267.19052017
De:01/06/2017  à  31/05/2018
 
Coordenador-Extensionista
  Bruna Andrade Irineu
Instituição
  UFT - Universidade Federal do Tocantins
Unidade Geral
  CUM - Campus de Miracema
Unidade de Origem
  SERV - SERVIÇO SOCIAL
Resumo da Ação de Extensão
  No Brasil os campos de estudos de gênero vêm se consolidando na última década, especialmente nas universidades metropolitanas. Desde meados dos anos 2000, quando há uma ampliação de recursos para o debate de gênero e sexualidade, as regiões do centro-norte brasileiro passam também a contar com grupos de estudos, como pode ser observado no contexto da REDOR - rede do norte e nordeste. As produções desenvolvidas por núcleos de pesquisa como o Núcleo de Pesquisa em Gênero - PAGU/UNICAMP, o Núcleo de Estudos sobre Identidades, Gênero e Subjetividade - NIGS/UFSC, e o Núcleo de Estudos Interdisciplinares sobre a Mulher - NEIM/UFBA; e o crescimento de periódicos que se dedicam a temática como os Cadernos PAGU/ UNICAMP, a Revista Gênero/UFF, Periódicus/UFBA e a Revista de Estudos Feministas/UFSC. Podemos citar também alguns eventos que tem rendido profícuas discussões e consolidação destes campos no Brasil, como o seminário Fazendo Gênero e o Congresso da Associação Brasileira de Estudos de Homocultura, Desfazendo Gênero, Enlaçando Sexualidades, entre outros. No estado do Tocantins, o Núcleo de Estudos, Pesquisas e Extensão em Sexualidade, Corporalidades e Direitos existente desde 2009, integra com outros grupos, um novo cenário do debate no estado, que mais recentemente vem sendo ameaçado por avanços do recrudescimento do conservadorismo. A articulação entre a Universidade e os movimentos sociais devem ser privilegiados no processo de formação continuada dos atores sociais envolvidos, objetivando a análise critica de hierarquias sexuais, raciais e de gênero para construção de uma educação que possibilite vivências democráticas e capacidade transformadora.
Palavras-chave
   Gênero, Sexualidade, Diversidade, Educação, Memória
Público-Alvo
  O publico alvo deste projeto são estudantes de graduação dos campus de Palmas, Miracema, Araguaína Tocantinópolis, Arrais, Gurupi e Porto Nacional da Universidade Federal do Tocantins - UFT e ativistas de movimentos sociais em defesa ao movimento LGBT do Tocantins.
Situação
  Atividade COM RELATORIO FINAL
Contato
   63.3366.8614
«« Voltar