«« Voltar
Centro de Resolução de Problemas e de Conflitos (CRPC) do IFRS: inserindo a negociação e a mediação na formação do trabalhador
Protocolo do SIGProj:   121769.798.68243.24022014
De:01/04/2014  à  18/12/2014
 
Coordenador-Extensionista
  Márcia Amaral Corrêa de Moraes
Instituição
  IFRS - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul
Unidade Geral
  Porto Alegre - Câmpus Porto Alegre - Extensão
Unidade de Origem
  EXT - Extensão
Resumo da Ação de Extensão
  A sociedade contemporânea e, em especial, o mundo do trabalho, experimentam uma atmosfera bastante competitiva e belicosa que marca e transversaliza grande parte das interações humanas. Os ambientes de trabalho tendem a ser tensos, definidos como grandes arenas de sobrevivência, de modo que as relações humanas, mescladas com o universo produtivo, acabam por reduzir-se a uma grande teia competitiva, na qual a busca pela superação do outro consiste no objetivo principal. Nesse contexto, muito bem definido e nominado por Bauman (2003) como modernidade líquida, o projeto de extensão 'Centro de Solução de Problemas e de Resolução de Conflitos (CRPC) do IFRS: inserindo a negociação e a mediação na formação do trabalhador' tem por objetivo criar uma cultura de formação profissional que atente para a negociação e a mediação éticas e colaborativas no ambiente de trabalho, bem como em outros cenários da vida cotidiana. A investigação da origem dos conflitos disfuncionais (que estão a serviço da destruição das relações e da produtividade coletiva) revela que grande parte dos trabalhadores não tem ciência do modo como se comunicam e negociam os sentidos com os seus interlocutores. Dominados pela cultura do individualismo, os adultos produtivos acabam por não saber como agir diante de situações de problemas e de conflitos e tendem a resolvê-las de modo competitivo, numa relação em que um perde para o outro poder ganhar. O presente projeto, por meio dos cursos oferecidos, intenta promover a formação do trabalhador no âmbito da negociação, promovendo prioritariamente a humanização do mundo do trabalho.
Palavras-chave
   Formação do Trabalhador, negociação, mediação, educação profissional para a paz, institutos federais
Público-Alvo
  O público-alvo desse projeto engloba alunos do IFRS câmpus Porto Alegre, professores e servidores técnico-administrativos do IFRS, trabalhadores e pessoas da comunidade que tenham interesse em receber essa formação.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   O contato para divulgação acontecerá por email específico e pelo telefone institucional que será informado no material de divulgação.
«« Voltar