«« Voltar
PROGRAMA DE ATENÇÃO INTEGRAL AO IDOSO NA AMAZÔNIA BRASILEIRA - PAIAMAB: PROPOSIÇÃO DE MODELO DE CUIDADO NO ENVELHECIMENTO REAFIRMANDO PAPEL SOCIAL DA UNIVERSIDADE.
Protocolo do SIGProj:   111998.480.19221.15042012
De:01/01/2013  à  01/01/2014
 
Coordenador-Extensionista
  Iêda Maria Louzada Guedes
Instituição
  UFPA - Universidade Federal do Pará
Unidade Geral
  UGP - Unidade Geral Padrão
Unidade de Origem
  UOP - Unidade de Origem Padrão
Resumo da Ação de Extensão
  O envelhecimento é cada vez mais acentuado da população brasileira. Associado a isso, o aumento da incidência e prevalência de doenças crônicas é uma realidade cada vez mais frequente, de modo que tanto o treinamento dos cuidadores desses idosos quanto o atendimento de pessoas na terceira idade que apresentam algum fator de risco à sua saúde são fundamentais para compreendermos o constante processo de transição demográfica pelo qual nosso país passa. Essa atenção multidisciplinar à pessoa idosa torna-se mais importante à medida que as mudanças na conformação etária de nossa população interferem em nosso sistema de saúde, muitas vezes despreparado para o atendimento desse tipo de paciente. Assim, o Programa de Atenção Integral ao Idoso na Amazônia Brasileira - PAIAMAB: proposição de modelo de cuidado no envelhecimento reafirmando papel social da universidade surge visando sua inserção nesse cenário, com os objetivos de criar um modelo de atenção integral no processo saúde-doença no idoso Amazônida, capacitar os cuidadores da pessoa idosa, dar assistência multidisciplinar aos idosos das regiões elencadas, promover a saúde do idoso por meio de ações extensivas, levantar dados epidemiológicos sobre os distúrbios associados ao envelhecimento, realizar oficinas relacionadas ao tema, além de difundir conhecimentos adquiridos em eventos científicos na área da geriontologia e geriatria. Esse programa justifica-se quando há a necessidade de se buscar as causas determinantes do processo saúde-doença dos idosos e de se conhecer as múltiplas facetas que envolvem o processo de envelhecimento, para que esse desafio seja enfrentado por meio de planejamento adequado.
Palavras-chave
   saúde do idoso, educação em saúde, promoção da saúde
Público-Alvo
  O program tem a perspectiva é atingir pelo menos 150 (cento e cinquenta) idosos com idade igual ou superior a 60 (sessenta) anos, residentes nos 15 (quinze) municípios envolvidos, perfazendo 3000 idosos, que se dispuserem a participar das atividades, a considerar que a participação é voluntária. Além dos idosos, fazem parte da comunidade potencial envolvida na ação de extensão: - familiares dos idosos envolvidos; - profissionais de saúde e assitência social envolvidos com o cuidado do idoso, como agentes comunitários de saúde, profissionais de nível médio da área de saúde, do Programa de Saúde da Família e profissionais do Centro de Referência em Asssitência social dos municípios envolvidos; - associações ou grupos de bairros dos municípios; - organizações não governamentais envolvidas com a proteção, cuidado e direito dos idoso; - docentes, preceptores e residentes de oftalmologia e otorrinolaringologia do Hospital Universitário Bettina Ferro de Souza; - alunos de graduação dos cursos de Medicina, Enfermagem, Fisioterapia, Terapia ocupacional, odontologia, nutrição, biomedicina, farmácia, serviço social, psicologia e direito; - enfermeiros, nutricionistas, terapeutas ocupacionais, fisioterapeuta, fonoaudiólogos, psicólogos e auxiliares de enfermagem do Hospital Universitário Bettina Ferro de Souza.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
  
«« Voltar