«« Voltar
Destino Certo de Medicamentos 3 (Farmácia Escola Carlos Drummond De Andrade/ UFPE)
Protocolo do SIGProj:   102246.1185.125650.21042016
De:01/02/2014  à  30/01/2019
 
Coordenador-Extensionista
  Davi Pereira de Santana
Instituição
  UFPE - Universidade Federal de Pernambuco
Unidade Geral
  CCS - CENTRO DE CIÊNCIAS DA SAÚDE
Unidade de Origem
  Ciências Farmacêuticas - Ciências Farmacêuticas (Depto)
Resumo da Ação de Extensão
  A poluição ambiental é um tema preocupante em todo o mundo. Nos últimos anos, esse assunto vem sendo alvo de diversas discussões e uma delas é a poluição das águas e dos solos através do descarte indevido de medicamentos em desuso pela população, que geralmente o faz pela descarga do banheiro ou através do lixo doméstico. O descarte de medicamentos pela população ocorre quando estes não são mais necessários, seja em virtude de uma dispensação em quantidade maior que a necessária, abandono do tratamento ou aquisição de medicamento para automedicação. No Brasil ainda não existe uma lei específica sobre a destinação final dos resíduos de medicamentos, principalmente aqueles que estão em nossas residências e que, por algum motivo, não foram utilizados e estão fora do seu prazo de validade. Espera-se, com esse projeto, combater a automedicação e minimizar os danos ambientais causados pelo descarte inadequado de medicamentos, e, inclusive, otimizando os recursos financeiros com o reaproveitamento de medicamentos que podem ser úteis para outras pessoas. Inicialmente, será realizada uma campanha no campus da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) de Recife visando incentivar a comunidade acadêmica, a trazer para Farmácia Escola Carlos Drummond de Andrade (FECDA) os medicamentos que estejam fora da validade ou que, por algum motivo, deixaram de ser consumidos durante o tratamento. Em seguida, este trabalho será realizado em toda a região metropolitana do Recife.
Palavras-chave
   Gerenciamento de resíduos, automedicação, educação em saúde
Público-Alvo
  Inicialmente, o público beneficiado será a comunidade acadêmica da UFPE que reúne mais de 30 mil pessoas, entre professores, servidores técnico-administrativos e alunos de graduação e pós-graduação, além do público que utiliza os serviços da Farmácia Escola da UFPE. Sendo, portanto, um quantitativo significativo de geradores de resíduos de medicamentos. A sensibilização da comunidade universitária para os problemas relacionados a esses resíduos trará benefícios para a sociedade como um todo, no momento em que se adotará uma postura mais correta com relação ao descarte de medicamentos.
Situação
  Atividade EM ANDAMENTO
Contato
   (81) 33026591
«« Voltar